BOLSONARO NA CAMPANHA: NÃO QUERO ESSA PORCARIA DE FORO PRIVILEGIADO



Do Brasil 247 – No mesmo dia em que o ministro Luiz Fux desmoralizou o Supremo Tribunal Federal, ao decidir liminarmente suspender as investigações contra Fabricio Queiroz, ex-assessor do deputado Flávio Bolsonaro, voltou a circular um vídeo em que Jair e Flávio Bolsonaro criticaram duramente o foro privilegiado.

Flávio permanece quieto o vídeo inteiro, apenas concordando com as afirmações do pai através de expressões faciais. Então deputado federal, Jair Bolsonaro critica a intenção de colegas a se reelegerem somente para manterem-se protegidos pelo foro privilegiado.

Bolsonaro diz que é “o único prejudicado com esse foro privilegiado”, já que renunciaria ao cargo para concorrer nas eleições 2018 à presidência da República. Ele ainda diz que não quer “essa porcaria de foro privilegiado”.



Também em postagem de 2017, desta vez no Twitter, Flávio criticou intenção de alteração na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do foro privilegiado que ampliaria o benefício para ex-presidentes, atingindo assim o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na época, Lula ainda não havia sido preso pela Operação Lava Jato e era o principal candidato do PT para concorrer na corrida presidencial de 2018.

Assista:




Baixe o aplicativo da Central da Esquerda e tenha todas as notícias da esquerda em seu Smartphone

Publicidade